Campanha do Ministério Público quer combater o trabalho infantil

Desenvolvida pela C4 Publicidade com a Vetor Zero, a animação pretende combater os estigmas que envolvem a questão no Brasil

Quase 2,5 milhões de crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos trabalham no Brasil, segundo dados do IBGE. Pensando nisso, o Ministério Público do Trabalho lançou a campanha “Toda Criança é Nossa Criança. Diga Não ao Trabalho Infantil”. Criada em parceira com a agência C4 Publicidade, a ação pretende conscientizar a sociedade sobre os mitos que envolvem essa questão.

Na animação, produzida pela Vetor Zero/Lobo, o personagem Beto era vítima do trabalho infantil e com uma oportunidade educacional consegue mudar sua realidade, causando impacto positivo na empresa em que trabalhava e na sua comunidade. A trama se propõe a combater estigmas consolidados no imaginário popular como “é melhor trabalhar do que roubar”, ou “eu trabalhei quando criança e não foi ruim”.

Com a assinatura “As oportunidades fazem a diferença na vida de qualquer criança”, a iniciativa integra o posicionamento do Ministério Público do Trabalho #ChegaDeTrabalhoInfantil, adotada pelo MPT desde 2017. A campanha será veiculada nas mídias sociais da instituição.

Fonte: https://www.meioemensagem.com.br/home/comunicacao/2019/07/05/campanha-do-ministerio-publico-quer-combater-o-trabalho-infantil.html

  Voltar